A Presença Da Língua Estrangiera No Curriculo Brasileiros

In: Social Issues

Submitted By Gilteacher
Words 1473
Pages 6
A PRESENÇA DA LÍNGIUA ESTRANGEIRA NA S PROPOSTAS CURRICULARES NACIONAIS
Gilberto da Silva (FMP) – gilteacher575@yahoo.com

Resumo: A globalização trouxe um novo foco às línguas estrangeiras, notadamente a língua inglesa, que por conta da forte influência Norte-Americana, tornou-se a língua mais falada por empresários, estudantes e turistas em todo o mundo. O Brasil consoante a essa tendência oferece aos alunos de escolas públicas o acesso a essa ferramenta que além de prover o falante com mais competitividade no mercado de trabalho, permite o acesso a valores culturais inestimáveis. A presença da língua estrangeira nos currículos a partir dos anos 30, com a reforma Francisco de Campos, demonstra a importância que o aprendizado de uma língua estrangeira tem na vida de todas as pessoas que pensam o mundo de forma global.

Palavras - chave: Cultura; Conhecimento; Globalização.

1. INTRODUÇÃO

O Brasil vem sofrendo invasão estrangeira desde sua descoberta pelos Portugueses no século XVI. A primeira língua ensinada aos nativos foi o Português. Depois de instalados no país os “descobridores” foram, segundo Ballalai (1989), fortemente influenciados pela cultura humanística européia, especialmente a francesa, que aproveitou o momento que lhe era propicio e exportou o positivismo e o materialismo político filosófico. A língua francesa satisfazia os desejos de refinamento e “globalização” dos aristocratas rurais de então. Conquistamos a independência, mas o ensino de LE manteve-se atrelado ao poder político e econômico. Aprendendo uma língua estrangeira, no caso o francês, a elite dominante mantinha o monopólio do saber e conseqüentemente o poder. Com o fortalecimento e crescimento das cidades brasileiras no século XIX, dominar o conhecimento era o meio de chegar ao poder e a língua estrangeira manteve o status de antes.

2. O PRIMEIRO DECRETO

O…...

Similar Documents

Ambiente Virtual de Aprendizagem Aplicado Ao Ensino de Disciplinas Da Engenharia

...Ambiente Virtual de Aprendizagem Aplicado ao Ensino de Disciplinas da Engenharia (PAEE´2011) Rita de Cássia Silva*, Sérgio A. A. De Freitas*, Tiago F. R. Lucena*, Nathália Nóbrega*, Aline L. Campelo*, Vitor Makoto* * Faculdade UnB Gama, Universidade de Brasília, CECEL Lote 01 Gama - DF, Brasil Email: ritasilva@unb.br, sergiofreitas@unb.br, tiagofranklin@gmail.com, nathalianob@gmail.com Abstract It has been believed that the insertion of computer technology could provide to the teachers and students a new way to teaching and learning certain subjects. This way this work aims to present the preliminary actions to develop a Virtual Learning Environment (VLE), which will be a supporting tool for the improvement of the learning process in engineering courses at campus Gama – University of Brasilia. To illustrate the use of this tool in such a way, the paper shows a prototype of the environment applied to a specific course in the engineering field, i.e., Mechanics of Solids. Keywords: Virtual Learning Environment; Mechanics of Solids; engineering courses; didactic tools. 1 Introdução Por mais de 20 anos, algumas pesquisas em educação constataram a forte influência das crenças do professor em suas práticas pedagógicas (Niederhauser & Stoddart, 2001), ou seja, seu comportamento e a didática aplicada em sala de aula são direcionados por suas convicções quanto à metodologia ideal. Da mesma forma, nas últimas décadas, o número de pessoas com acesso a recursos de......

Words: 3166 - Pages: 13

Etimologia Della Parola ‘’Slavo’’ Nella Lingua Italiana

...cambiamenti sia nell’etimologia di questa parola che nella storia di questo “ popolo’’[1]. A questo punto non posso ancora dire quanto questi cambiamenti nell’etimologia (da slavo a sclavus e infine schiavo) siano il risultato della storia e quanto si tratti semplicemente dei risultati di migrazione e assimilazione di un popolo. Spero, però, almeno di dimostrare come tutti siano intrecciati tra di loro. Nel tentativo di spiegare l’etimologia della parola slavo partirò dai termini sclavus, sclavo, sclavoni, Sclavonia, schiavo, Schiavoni, con lo scopo di spiegare quando e perchè schiavo, che in origine indicava un abitante dell’antica Schiavonia ovvero Sclavonia, ha assunto l’attuale significato, tenendo però sempre presente che il termine usato in latino classico per indicare condizione sociale degli slavi nell’Impero romano era “ servus’’. Mi interessa inoltre vedere se l’etimologia delle parole e il loro uso contemporaneo siano, e in quanta misura, influenzati dalla sociologia e dalla storia. Origine dei popoli slavi Una metà dell’Europa odierna è abitata da popolazioni slave. Gli insediamenti slavi sono presenti da tre secoli nell’Asia settentrionale, e un terzo di questo continente si serve di russo come lingua ufficiale. La presenza di questa famiglia linguistica risale a non molto più di mille anni fa. Le notizie che risalissero ad un’epoca più antica sono......

Words: 4526 - Pages: 19

Lingua Franca

...Lingua Franca Humankind is rich with linguistic diversity. The widespread use of particular languages throughout the globe is attributed to several factors. Two of the most important are colonialism and international economic/political power. The dominance of English and Spanish colonial powers attribute to the linguistic formation of most of the Western Hemisphere. Imagine a world where the Axis of Evil triumphed during World War II. German, Italian and Japanese would likely be more prominent tongues on a global scale. The United States and United Kingdom have been high on the economic leaderboards for centuries, thus English has become a language of opportunity for people worldwide. Language on a global scale is an unseen, but well heard, struggle for power. Language is more than a means of verbal communication. A language can serve as a cultural vehicle that displays the global influence of a territory. Even it is possible for a language to carry multiple identities especially in context where people have social and cultural values they themselves create and at the same time are exposed to those social and cultural values they have no choice to avoid and; consequently become part of their identity (Dastgoshadeh, A., & Jalilzadeh, K, 2011). To most, learning English as an international language for the purpose of fulfilling communicative needs is a big threat to national, cultural and even religious identities as learning an international language causes people to......

Words: 2096 - Pages: 9

Estratégias Das Firmas Da Indústria de Transformação Brasileira

...DETERMINANTES DA INOVAÇÃO AMBIENTAL: UMA ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS DAS FIRMAS DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO BRASILEIRA JULIA MELLO DE QUEIROZ RIO DE JANEIRO AGOSTO 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO INSTITUTO DE ECONOMIA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO DETERMINANTES DA INOVAÇÃO AMBIENTAL: UMA ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS DAS FIRMAS DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO BRASILEIRA JULIA MELLO DE QUEIROZ ORIENTADOR: PROF. CARLOS EDUARDO FRICKMANN YOUNG RIO DE JANEIRO AGOSTO 2011 2   JULIA MELLO DE QUEIROZ DETERMINANTES DA INOVAÇÃO AMBIENTAL: UMA ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS DAS FIRMAS DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO BRASILEIRA Dissertação de Mestrado apresentada ao Programa de PósGraduação em Economia, Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro como parte dos requisitos necessários à obtenção do titulo de MESTRE em Ciências Econômicas. BANCA EXAMINADORA: ________________________________________________________ Professor Dr. Carlos Eduardo Frickman Young – Orientador ________________________________________________________ Professor Dr. José Eduardo Cassiolato ________________________________________________________ Professora Dra. Maria Cecília J. Lustosa RIO DE JANEIRO AGOSTO 2011 3   DETERMINANTES DA INOVAÇÃO AMBIENTAL: UMA ANÁLISE DAS ESTRATÉGIAS DAS FIRMAS DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO BRASILEIRA RESUMO: Diante da natureza dinâmica do papel da tecnologia sobre o meio ambiente, a dissertação analisa os determinantes......

Words: 39510 - Pages: 159

Curriculo

...CURRICULO Hoy en día, la calidad de la educación, se ha convertido en un reto que todos debemos asumir con compromiso, más que todo en nuestra formación como docentes ya que de esta manera podremos llevar a la práctica el gran reto que supone la mejora de nuestra calidad de enseñanza, lo que primero se necesita hacer, es el conocer las propuestas formuladas por el Ministerio de Educación, y reflexionar sobre tales, confrontándola con nuestra experiencia y sobre todo con la práctica educativa. Un punto de partida imprescindible para protagonizar, un futuro inmediato, con enseñanza más abierta, innovadora y significativa, todo eso basado en las necesidades de cada población educativa. Por este motivo es necesario conocer y entender el concepto correcto de currículo; el currículo llega a ser una guía que me ayuda a planificar, tiene como propósito asegurar el proceso de enseñanza - aprendizaje. Tambien es una práctica social, que incorpora así toda la vida de la escuela, involucra cuestiones como valores, conocimiento, la escuela y su entorno. También de una construcción del conocimiento que se realiza colectivamente con el dialogo y el trabajo participativo. Tomando en cuenta así a los estudiantes y su entorno educativo. Lo anterior nos permite comprender que el establecimiento de un currículo escolar debe servir de base para confeccionar contenidos curriculares de los diferentes niveles y ciclos de la educación escolar, pero que además respondan a un modelo educativo de......

Words: 322 - Pages: 2

Teorias Da Comunicação

...Teorias da Comunicação 1.1 Linguagem, língua, fala e discurso – Bibliografia: Júlia Kristeva – História da Linguagem; Adriano Duarte Rodrigues - Comunicação e Cultura; Introdução - A linguagem é um objecto de reflexão específico há vários anos, mas a ciência linguística é muito recente. - Uma das mais importantes características da nossa época é a concepção da linguagem como “chave” do Homem e da história social, como via de acesso às leis do funcionamento da sociedade. Hoje, a linguagem, cuja prática o Homem sempre dominou, é isolada e “colocada à distância” para ser captada enquanto objecto de conhecimento particular. - A relação do sujeito falante com a linguagem conheceu duas etapas: primeiro, pretendeuse conhecer o que já se sabia praticar (a linguagem), ou seja, obrigou-se o falante a dizer o modo como diz, o que permitiu ao Homem não se considerar já como entidade soberana mas analisar-se como um sistema falante na linguagem. Em seguida, projectou-se o conhecimento científico da linguagem sobre o conjunto da prática social. Linguagem… - Cada época e cada civilização vê a linguagem em função dos moldes (crenças, ideologia…) que a constituem a si própria. Assim, actualmente, são as visões da linguagem como sistema e os seus problemas de funcionamento que predominam. Linguagem, fala, língua, discurso… - Independentemente da época ou civilização, a linguagem é tomada como um sistema extremamente complexo. - Vista do exterior, a linguagem reveste-se de um carácter material......

Words: 12687 - Pages: 51

Agrupamento E Distribuição Dos Números Telefônicos No Português Brasileiro (Pb): Uma Contribuiçao Ao Aprimoramento Do Google Tradutor

...Agrupamento e distribuição dos números telefônicos no português brasileiro (PB): uma contribuiçao ao aprimoramento do Google tradutor Resumo: O estudo está preocupado com a estratégia de agrupamento numérico na enunciação dos números telefônicos no português brasileiro (PB). O propósito é disponibilizar informações para o aprimoramento do Google tradutor. Para isso, números telefônicos extraídos de uma lista telefônica local foram lidos naturalmente por falantes nativos do PB. Uma análise segmental foi realizada mediante a utilização do software Praat (Boersma and Weenink 2013, versão 10.3). Os resultados das análises mostraram um padrão de agrupamento numérico na enunciação dos números telefônicos e tal modelo poderia ser base informacional ao aprimoramento do sistema de síntese de voz do Google tradutor em relação ao números telefônicos. Palavras-chave: agrupamento, número telefônico, Google tradutor Abstract: This paper is concerned with the numerical grouping strategy in spoken telephone numbers in Brazilian Portuguese, in order to make available information that could improve the Google translator. To that aim, telephone numbers were extracted from a local phone book and spoken spontaneously by native speakers of Brazilian Portuguese. A segmental analysis was done with the use of Praat (Boersma & Weenink 2013, version 10.3). Results of the analysis show a grouping strategy pattern in the spoken telephone numbers......

Words: 3134 - Pages: 13

Crise Do Financiamento Do Estado Brasileiro

...CRISE DO FINANCIAMENTO DO ESTADO BRASILEIRO Os anos 70 representaram para as economias capitalistas um marco de ruptura do padrão de crescimento acelerado que essas economias haviam experimentado nos anos do pós-guerra. Esse crescimento esteve ancorado em três pilares centrais, a hegemonia do dólar, estabelecido pelo acordo de Bretton Woods, que fez do dólar a moeda das trocas internacionais com paridade fixa com o ouro e com as demais moedas, o baixo preço da energia e a auto contenção capital-trabalho. Os movimentos sociais europeus, seguidos da crise da hegemonia americana nos anos 70 e o aumento do preço do petróleo foram responsáveis pela instabilidade macroeconômica que passaram a vivenciar a maior parte das economias capitalistas. Esta crise deflagada com o rompimento do padrão monetário internacional, sustentado no dólar-ouro, foi seguida pelas crises dos regimes enérgico, creditício e salarial em que se sustentara o crescimento acelerado das economias capitalistas no pós guerra. Essas mudanças ocorridas no padrão monetário e cambial geraram instabilidade das taxas de câmbio e juros e derivaram em fortes e erráticos movimentos de capitais, modificando em alto grau as condições de financiamento dos Estados e da rentabilidade das empresas. Esses desafios provocaram sucessivas respostas nos planos político e econômico, responsáveis pelo que se chamou de terceira revolução industrial e a acelerada liberalização e desregulação dos mercados de......

Words: 4888 - Pages: 20

Herois Da Fe

...Heróis da Fé Vinte homens extraordinários que incendiaram o mundo Orlando S. Boyer Biografias cristãs CPAD – Casa Publicadora das Assembléias de Deus Rio de Janeiro, RJ 15ª Edição – 1999 Digitalizado, revisado e formatado por SusanaCap WWW.PORTALDETONANDO.COM.BR/FORUMNOVO/ Sumário APRESENTAÇÃO O SALVADOR ESPERA E O MUNDO CARECE O SOLUÇO DE UM BILHÃO DE ALMAS JERÔNIMO SAVONAROLA MARTINHO LUTERO JOÃO BUNYAN JÔNATAS EDWARDS JOÃO WESLEY JORGE WHITEFIELD DAVI BRAINERD GUILHERME CAREY CHRISTMAS EVANS HENRIQUE MARTYN ADONIRAM JUDSON CARLOS FINNEY JORGE MÜLLER DAVI LIVINGSTONE JOÃO PATON HUDSON TAYLOR CARLOS SPURGEON PASTOR HSI DWIGHT LYMAN MOODY JÔNATAS GOFORTH Apresentação "Visitei o velho templo de Nova Inglaterra onde Jônatas Edwards pregou o comovente sermão: ''Pecadores nas mãos de um Deus irado". Edwards segurava o manuscrito tão perto dos olhos, que os ouvintes não podiam ver-lhe o rosto. Porém, com a continuação da leitura, o grande auditório ficou abalado. Um homem correu para a frente, clamando: Sr. Edwards, tenha compaixão! Outros se agarraram aos bancos, pensando que iam cair no Inferno. Vi as colunas que eles abraçaram para se firmarem, pensando que o Juízo Final havia chegado. "O poder daquele sermão não cessa de operar no mundo inteiro. Mas convém saber algo mais da parte da história geralmente suprimida. Imediatamente antes desse sermão, por três dias Edwards não se alimentara; durante três noites não dormira. Rogara a Deus sem cessar: 'Dá-me a Nova Inglaterra!'...

Words: 79029 - Pages: 317

Silêncio- Algures Aquém E Além Das Palavras

...Silêncio Algures,  aquém  e  além  das  palavras O  silêncio  na  comunicação  e  na  prática  psicanalítica  e  psicoterapêutica       Beatriz Horta Correia. Branco Silêncio (desenho) 2011 Isabel  Botelho Psicóloga,  MFaPA  e  MFaPP Email:isabelmbotelho@netcabo.pt Julho  de  2011 1 Introdução O  silêncio  está  presente  em  toda  a  comunicação.  Esta  é  atravessada  por  ele,  pontuada  por  ele.  O  que  não  equivale   a  dizer  que  o  tenhamos  adequadamente  em  consideração,  sendo  que,  muitas  das  vezes,  até  hipervalorizamos,  as   trocas  puramente  verbais  desconsiderando  o(os)  silêncio(s)  como  algo  que  se  pode  pôr  de  lado,  marginalizar  ou   analisar  à  parte.   O  silêncio,  como  pausa,    pode  ser  transcrito  no  texto  escrito  pelos  símbolos  gráRicos  da  “vírgula”,  do  “ponto”  ou   das  “reticências”,  mas  quantas  vezes  não  poderá  assumir  um  valor  de  “ponto  Rinal”,  de  “exclamação”,  ou  de   “interrogação”?  E  começa  já  aqui  a  complexidade  da  sua  conversão  em  linguagem  ou,  neste  caso,  de  simbologia   gráRica,...

Words: 16548 - Pages: 67

Trabalho Aplicativo Setorial Da Construção Cvil

...TRABALHO APLICATIVO Investigação sobre a Estrutura Industrial e Seu Impacto no Posicionamento das Maiores Empresas do Setor Setor da Construção Civil Certificate in Business Administration – CBA44 Prof. Daniel Motta Ana Gomes Bruno Marques Érica Pontes Filipe Makarausky Guilherme Gomes Silvio Paiva Tiago Jans São Paulo, 20 de Março de 2011 Trabalho apresentado ao curso de CBA, como requisito parcial para obtenção do Grau de Especialização em Administração de Empresas do Insper - Instituto de Ensino e Pesquisa. 2 Índice Introdução ..................................................................................................................................................... 5 1. 1.1. 1.2. 1.2.1. 1.2.2. 1.3. 2. 2.1. 2.1.1. 2.1.2. 2.1.3. 2.1.4. 2.1.5. 3. 3.1. 3.2. 4. 4.1. 4.2. 4.3. 4.3.1. 4.3.2. 4.4. 4.5. 4.5.1. 4.5.2. 4.5.3. Panorama da Construção Civil ............................................................................................................. 6 Relevância Social ............................................................................................................................ 8 Influência Governamental ................................................................................................................ 9 Programa Minha Casa Minha Vida ................................................................................................ 10 Programa de Aceleração do Crescimento .................................................

Words: 10453 - Pages: 42

Lingua Franca

...‘Lingua Franca’ is the language that most people speak and communicate around the world and this helps people from all around the world to understand each other concept or ideas. Nowadays, economy is everything for us, and the only way to improve the power of a country is to increase their economic. And the only way to improve the economy is doing business, the basics need in doing business is to communicate and understand each other during the process. The simplest example is company X need to understand what company Y needs in order to do a business successfully. Therefore economic factor may really determine the future lingua franca. As a lingua franca is acting as a global language, it means it is the common language that enables people from different backgrounds and ethnicities to communicate on a more or less equitable basis. The lingua franca helps in developing with the view in mind that a single world language would automatically lead to world peace and unity. And the influence of any language to be a lingua franca has three main things: the number of countries using it as their first language or mother-tongue, the number of countries adopting it as their official language, and the number of countries teaching it as their foreign language of choice in schools. In other words English is the lingua franca now because almost the whole world is using it now. (English as a global language, n.d.) In the past century, the country that creates a powerful economy......

Words: 489 - Pages: 2

ComposiçãO Desprezo Das Humanidads

...No final do canto V da obra “Os Lusíadas” de Camões, o poeta reflecte sobre o desprezo das artes e línguas por parte dos portugueses. Infelizmente, esta crise de valores humanísticos é ainda um problema bastante atual e presente na nossa sociedade, que se encontra virada para a técnica e para o específico, e onde o artesão é sempre sobreposto ao artista. Para o comprovar basta apenas olhar para o ensino, uma vez que o número de alunos inscritos nas áreas de ciências e economia é significativamente superior ao número de alunos das áreas de artes e humanidades. A que se deve então este desinvestimento na componente cultural e literária da formação de um indivíduo? Bem, em primeiro lugar, o grande avanço científico-tecnológico sofrido nas últimas décadas, que fomentou ainda mais o culto do concreto em prol do abstracto. Em segundo lugar, a ideia estereotipada (porém com um certo fundamento) de que um curso nestas áreas é uma garantia de desemprego. E, por último, voltando um pouco ao primeiro ponto, o enorme prestígio que determinadas profissões na área científica têm, como é o caso do médico e do engenheiro. Prestígio esse que acaba por contrastar com a desvalorização do historiador ou do pintor, por exemplo. Contudo, apesar de toda esta desvalorização, ainda existem excelentes profissionais e nomes de referência em Portugal, desde jornalistas a professores e escritores, que continuam a produzir e a contrariar esta tendência de regressão. Para concluir, gostaria de salientar...

Words: 295 - Pages: 2

A Presença Do Modernismo Regionalista Em Vidas Secas E Um Breve anúNcio de Um Estado de EspíRito Nacionalista

...[pic] UNIVERSIDADE FERDERAL DA BAHIA CURSO DE LÍNGUA ESTRANGEIRA ISLA DA SILVA NASCIMENTO A PRESENÇA DO MODERNISMO REGIONALISTA EM VIDAS SECAS E UM BREVE ANÚNCIO DE UM ESTADO DE ESPÍRITO NACIONALISTA Salvador 2011 ISLA DA SILVA NASCIMENTO A PRESENÇA DO MODERNISMO REGIONALISTA EM VIDAS SECAS E UM BREVE ANÚNCIO DE UM ESTADO DE ESPÍRITO NACIONALISTA Ensaio apresentado a Universidade federal da Bahia ao Curso de Língua Estrangeira como requisito obrigatório para avaliação da segunda unidade, sob orientação da Estagiária Doscente Juliana Oliveira Lesquives e a Professora Alvanita Almeida Santos. Salvador 2011 1- INTRODUÇÃO Em 1938 Graciliano Ramos publica um dos maiores clássicos nacionais, “Vidas Secas”. Tal seca que transpassa o limite das páginas do livro e nos atinge de uma forma exageradamente árida e sedenta. Em meio a um nordeste brasileiro rachado em chão, em fome, em sede e em vida, Ramos perpassa a história de Fabiano e sua família maestrosamente, marcando presença em um dos períodos mais nacionalista que o país já espetaculou, o Modernismo. Antes de uma pseudo-análise no regionalismo na segunda fase do modernismo, passarei primeiro para uma ambientização da identidade, tentando alcançar base suficiente para a discussão do que é nacional e identidade nacional durante o movimento. ...

Words: 1471 - Pages: 6

Impacto Da Tecnologia No Custo Do Tratamento Da Aids

...UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Departamento de Economia IMPACTO DA INTRODUÇÃO DE NOVAS TERAPIAS MEDICAMENTOSAS NOS CUSTOS DO TRATAMENTO AMBULATORIAL DE PACIENTES HIV/AIDS Marina Oliva de Almeida Garcia São Paulo Novembro – 2009 SUMÁRIO Este trabalho traz estimativas do custo específico anual por paciente do tratamento do HIV/Aids em unidades de atendimento ambulatorial do município de São Paulo para dois períodos, 1996 e 2006. Os resultados obtidos para cada ano foram comparados por estágio de gravidade da doença e por componentes de custo, a saber, procedimentos médicos, exames, medicamentos anti-retrovirais e outros medicamentos. Para os cálculos, foi utilizada a metodologia de custo-padrão desenvolvida pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE (2008). Os resultados indicam que o custo específico anual médio foi quase duas vezes maior em 2006, quando comparado com 1996, e que esse crescimento é decorrente principalmente da evolução da tecnologia no tratamento do HIV/Aids, com a descoberta de novos anti-retrovirais e seu potencial de uso combinado, mais eficazes em manter a saúde e a qualidade de vida dos pacientes infectados. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO ..................................................................................................... 5 2 EMBASAMENTO TEÓRICO................................................................................ 9 2.1 Tecnologia ................................

Words: 12034 - Pages: 49